Inspirações

Grupo Boticário cria programa para a preservação da Araucária

Segundo estudo, a espécie pode deixar de existir até 2070, devido à intensa exploração e às mudanças climáticas.

 

 

Dos 20 milhões de hectares da extensão original da Floresta com Araucárias, hoje, restam apenas de 1% a 3%.

Segundo estudo publicado este ano na Wiley Online Library, a araucária (Araucaria angustifolia) deve ser totalmente extinta até 2070, como resultado da intensa e predatória exploração madeireira e do manejo inadequado das sementes.

Mas nem tudo está perdido! Como forma de conciliar a conservação de espécies e o desenvolvimento econômico, foi criada a iniciativa Araucária+ por meio da parceria entre as fundações Grupo Boticário de Proteção à Natureza e Certi.

A proposta objetiva impulsionar a conservação da biodiversidade, reduzindo a tendência de desmatamento e degradação desse ecossistema, por meio de um modelo de valorização da Floresta com Araucárias e de desenvolvimento sustentável das comunidades associadas.

O Araucária+ conta com mais de 50 organizações parceiras, entre empresas, Institutos de Ciência e Tecnologia, investidores, poder público e cerca de 80 produtores articulados. Mais de 6,5 milhões de metros quadrados de floresta estão sendo conservados e monitorados pela iniciativa.

Também foi firmada a parceria com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para a restauração ecológica e estruturação da cadeia de restauração em regiões de remanescente, visando a proteção de 2,6 milhões de metros quadrados de Floresta com Araucárias.

Por meio da iniciativa, produtores locais são conectados a um mercado diferenciado, formado por empresas que adotam estratégias de inovação e sustentabilidade em seus produtos, demandando insumos de origem sustentável, com informação e rastreabilidade agregada.

Para acessar esse mercado, os agricultores devem adotar o Padrão Sustentável de Produção, com análise das cadeias produtivas em que se identificam os principais impactos derivados da extração de produtos da floresta. Integrados, eles recebem orientação técnica e capacitação, além de um plano de melhorias direcionado para cada propriedade.

 

Leia também: 8 flores e seus significados

 

Leia também: 6 livros para dar um “up” no seu projeto de paisagismo

 

 

Fonte: Primeira Página

 

 

Redes Sociais